27/04/2018

Rosena não desiste e confimar pré candidatura ao Governo

Aliados de Flávio Dino soltam foguetes, mas por pouco tempo: Roseana reafirma pré-candidatura

A postagem de ontem aqui no blog sob o titulo “Vai com Deus! Roseana se afasta da pré-candidatura de governadora”, não só deu o que falar no Maranhão inteiro como animou o terreiro dos aliados de Flávio Dino, que fizeram a festa e soltaram foguetes. O pior é que eles, assim como vários leitores, cometeram o pecado da pressa na leitura da informação, imaginando que a filha de Sarney teria desistido de concorrer.


Em nenhum momento o Blog do Luis Cardoso informou que Roseana estaria saindo da disputa. Apenas disse que a ex-governadora suspendeu as atividades da pré-candidatura para acompanhar a mãe, Dona Marly Sarney, em um procedimento médico em Nova York, nos Estados Unidos.

E mais: que retornaria para a pré-campanha a partir da segunda quinzena de maio e nada mais. Agora, no título, o que chamou a atenção foi o pedido ao Bom Mestre de “Vai com Deus”, uma oração para que tudo transcorra bem, como vem ocorrendo lá fora.

Ocorre, porém, que Roseana não viajou para os EUA com a mãe e o pai, optando por ficar na Ilha, mas sem agenda de pré-campanha para ganhar energia e voltar com a programação da “Caravana da Guerreira” na segunda quinzena de maio.

Ontem mesmo, Roseana confirmou que é sim pré-candidata e vai encarar seu maior adversário por não temer “bucho grande” e para atender solicitações da população que se arrependeu das falsas mudanças prometidas.

Só para refrescar a memória, a filha do ex-presidente da República nunca perdeu para Flávio Dino nenhuma eleição. Explica-se: ganhou contra ele e Jackson Lago em 2010, no primeiro turno. Em 2014, o candidato foi Edinho Lobão, que entrou na última hora para substituir Luis Fernando, que desistiu.

No curto tempo de campanha, nem Roseana e muito menos o governo estiveram fortemente na campanha. E para completar a ausência de Roseana na disputa como forte aliada, boa parte de políticos do grupo pulou para o barco de Flávio Dino.

Ainda assim, Edinho Lobão obteve mais de 30% dos votos e o terceiro colocado, o advogado Pedrosa, apenas 1,14%, o que impossibilitou levar a disputa para o segundo turno

Postar um comentário

POSSÍVEL COLISÃO MORO X BOLSONARO

© REUTERS/ Daniel Derevecki Licença para matar e MST fora da lei: Bolsonaro e Moro podem entrar em rota de colisão? Thales Schmidt Já ...